segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Eu Preciso De Um Tempo!


(by Cinthya)

Ele sempre teve tendência a relacionamentos longos. Não me lembro de tê-lo visto solteiro por muito tempo (e olha que nos conhecemos desde crianças). Um cara legal, com uma maturidade legal, aliás, acho que ele amadureceu cedo demais e muitos dos seus pensamentos ou atitudes não condizem com a idade que ele tem, normalmente as suas ações estão bem mais à frente da sua idade.

Gosto muito de conversar com ele, gosto de entender o seu jeito de ver a vida. Ele é ambicioso, mas não é uma ambição doentia, não o imagino derrubando alguém para alcançar uma meta sua. Não consigo vê-lo destruindo um colega para receber a tão sonhada promoção. Não. Definitivamente esse não é o seu perfil.

Enfim, ele está casado. Um relacionamento firme e sólido. Maduro e real. Poucas vezes tive o prazer de conhecer um casal tão completo. Parecia mesmo não haver espaço para algo que desandasse a relação. É... Parecia...

Mas como as aparências enganam, eis que ele, certo dia, descobriu-se sufocado. Disse que não tem nada errado com a sua relação, nada que desabone sua parceira. Mas ele está precisando de um momento só. Disse que pulou etapas de sua vida, que sente vontade de ser um adolescente irresponsável, sem hora pra chegar e sem ninguém para quem dar esclarecimentos sobre o que fez e onde estava. Ele sente sede de sair sem compromisso, de chegar do trabalho e não ter ninguém o esperando, nem a esposa amada e nem o sorriso dos filhos. Ele precisa sentir o gosto da solidão. Ele anseia por sentar à mesa de um bar, flertar, sair com uma garota e depois lembrar que se esquecera de perguntar seu nome.

Noite de sábado sem aquelas pernas tão conhecidas roçando as suas por debaixo das cobertas. Manhãs de domingo sem as brincadeiras divertidas das crianças. Ele quer casa silenciosa. Ele quer ele sozinho. Nada de se ver nos olhos da mulher com quem construiu tanta coisa. Não. Ele cansou. Ele quer apenas curtir a solidão que nunca conheceu, viver as fases que ficaram no passado. Cansou de amar e ser amado.

Ele quer apenas um tempo para ele mesmo. Não sabe se vai ser bom, não sabe se terá outra chance caso descubra que a decisão foi um erro. Não existem garantias. Mas ele quer. Ele precisa desse tempo.

2 comentários:

ZilMar disse...

nossa...achei irritante demais demais esse cara...eu daria todo o tempo do mundo....pra ele sumir de vez....


boa semana Cintya...

bjo!


Zil

Anônimo disse...

Mais uma vez, so pra lembrar...não temos o direito de julgar, cada um sabe a dor que vai dentro de si...cada qual sabe o que é mais importante em sua vida, e pelo visto o ´moço´ai ta disposto a pagar o preço que ele sabe que pode ter essa decisão...Viver pode ser complicado!!!!
Paula