terça-feira, 13 de novembro de 2012

É Covardia!




É covardia suprimir a lágrima.

É covardia dissimular a dor.

É covardia prometer o que não pode cumprir.

É covardia mentir.

É covardia engolir o choro.

É covardia dizer não, quando o coração grita que sim.

É covardia se anular do mundo em prol de um amor unilateral.

É covardia fingir.

É covardia ficar preso ao passado.

É covardia parar no tempo.

É covardia desistir.

É covardia negar as evidências.

É covardia pensar em quem não pensa em você.

É covardia amar mais ao outro que a si.

É covardia virar as costas para o amor.

É covardia não reconhecer os erros.

Expurgue o covarde que existe dentro do você.

Verônica

3 comentários:

Ana Paula disse...

Vivemos num tempo onde é imperativo a vida cor de rosa, o extremo otimismo, a felicidade constante.
É covardia perseguir a felicidade desta maneira, lágrima, choro, dor fazem parte do nosso viver. É covardia fugir da vida.
Adorei Verônica. Beijo

ladodeforadocoracao.blogspot.com

Das coisas que vejo e gosto. disse...

Oi Vel!!!

Linda mensagem!!!!!

Beijos!

Selma.

Rosangela disse...

Oie,

Uau! quem mensagem profunda...adorei!

Bjs
Rô *.*