sábado, 26 de maio de 2012

Eis que eu cansei...

É, cansei...

A estrada é essa mesmo, eu não desviei do meu caminho, mas há uma ladeira íngrime à minha frente.

Eu sabia que a caminhada seria longa e cansativa, mas necessária. Eu topei o desafio e vou até o fim. Eu sei que o meu, tão almejado, objetivo está lá no topo, mas eu cansei. Preciso descansar.

Não vou desistir, não vou recuar, nem retroceder. Quero apenas recarregar minhas energias. Quero retomar o fôlego para continuar e não parar mais até que atinja o alvo.

Atravessei riachos, sequeiros, desertos, matas fechadas e até caatinga, passei por estradas esburacadas e de dificil acesso. Algumas requiseram mais esforços, exigiram mais de mim, mas eu suprei. Algumas barreiras foram postas em meu caminho, pulei umas desviei de tantas outras e cheguei até aqui, não posso desvalorizar meus esforços, mas o cansaço que me acomete nesse momento é maior que eu.

Vou apenas tomar um ar, tirar um cochilo, descansar um pouquinho antes de seguir.

Ao longo da minha caminhada solitária, conheci algumas pessoas, tive companhias agradáveis em alguns momentos e com uma dessas companhias eu aprendi a doce arte da resiliência. Aprendi também, que as grandes realizações não são feitas por impulso e sim com a soma de pequenas realizações. E assim estou seguindo meu caminho. Um passo de cada vez.

Mas agora eu preciso de um tempo, achei uma árvore chamada paciência com o uma copa frondosa e me oferece uma agradável sombra. Vou ficar por aqui um tempinho. Além do mais, os ventos da sabedoria passam por aqui, vou precisar da orientação deles.

Assim que me sentir recomposta e revigorada eu continuo minha caminhada. Por enquanto eu só preciso descansar...

Verônica

3 comentários:

Panelinha da Fafah disse...

Não se leve tão a sério, relaxe e se dê apenas um dia para um descanso!
Dia seguinte acorde rivigorada, literalmente! E vamos que vamos !

(vc conhece os "movimentos" dos seus hormônios? não ? então preste atenção que essas crises acontecem um pouco antes ou um pouco depois das menstruações, então, não ligue para eles, fique quietinha que passa logo logo viu!)

bjs))))))))))))))))))))))))))

Anônimo disse...

Você é muito novinha pra cansar! talvez eu nao seja capaz de analisar o tamanho dos seus obstáculos, mas certamente eles nao devem ser mais que seu otimismo...e sua força de vontade pra superá-los.... procure enxergar o que tem de bom ao seu redor... procure sua fé.. procure ver suas qualidades e olhe pra frente... pro futuro... pro seu horizonte... tudo depende de vc... do seu esforço... dedicação... e isso é fruto do auto-convencimento... do que é necessário e do que precisa ser feito... seu blog é tudo de bom... PARABÉNS! rodrigopetrolina35@hotmail.com

Das coisas que vejo e gosto. disse...

O importante é que você sabe que não errou o caminho, que decidiu pelo lado certo da estrada. E todo mundo tem direito de descansar e até tirar um cochilo se preciso for. Recomeçar a viagem depois duma noite de sono é outra coisa, né não? Aproveite o tempo de pausa.
Beijos, florzinha!

Selma.