terça-feira, 26 de abril de 2011

Ser Diferente Não é Ser Monstro


O Divã entra na luta contra o preconceito, a falta de respeito e a agressão.

RESPEITO já!!

Não estamos aqui levantando a bandeira gay, dizendo que tal opção é certa e a convencional é errada. Não estamos fazendo apologia a união de sexos semelhantes. Estamos pedindo RESPEITO.
Você aí do alto do seu pedestal, se acha superior a tudo e a todos, se acha no direito de esticar o dedo para apontar erros, julgar, condenar e executar sem ao menos dar a vítima o direito de defesa. Defesa assegurada por lei. Mas que leis? Quem cria sua própria lei é você, não é? Pois muito bem...

Tenho uma base cristã. Fui educada na maneira convencional, segundo à bíblia. Na formação do meu caráter me foram passados valores que certamente a muitos não foram. Fui ensinada que homens se relacionam com mulheres, que os mais jovem respeita os mais velhos, que o que não me pertece, não me pertence MESMO, que eu devo falar sempre a verdade e tentar ser justa em qualquer situação que eu me encontre. Mas, dos valores que me foram passados o mais importante e o que eu não esqueço nunca é o respeito às pessoas. Minha mãe me ensinou que ninguém tem o direito de julgar ninguém, cada um é responsável por suas escolhas e não cabe à mim discriminá-lo por isso. Quem sou eu pra julgá-lo como errado só porque pensa ou age diferente de mim? E eu aprendi.

A homofobia é um tema que está sendo muito abordado ultimamente pois pode virar  crime e ter severas punições. Peraí, virar crime? Isso pra mim já crime. Homofobia, Xenofobia e toda manifestação preconceituosa deveria ser tratada com rigor, como crime e ter penalidade. Onde já se viu agredir, humilhar ou discriminar uma pessoa só porque essa tem o sotaque, a cor da pele ou a preferência sexual diferente da sua?

No carnaval, eu estava em Olinda, uma cena chamou a minha atenção. Um casal de lésbicas se aproximava. Íamos em uma direção e elas vinham no sentido oposto em nossa direção. Logo atrás, surgiu um grupo de vândalos uns 4 ou 5 animais irracionai, jogaram cerveja nelas inclusive as latinhas. Nós só percebemos que elas eram lésbicas devido a atitude dos rapazes, elas não estavam se beijando nem fazendo nada. Eu fiquei abismada e revoltada com a cena, nos aproximamos e perguntamos se elas estavam bem. Uma delas respondeu que estavam sim, já estavam acostumadas. Vê se pode... 

Que mal há nisso? Quando eu era adolescente eu andava de mãos dadas e braços dados com as minhas amigas e nunca fui lésbica. Quer dizer que se agora eu sentir vontade de fazer isso eu posso ser agredida ou ridicularizada? E a liberdade de expressão? E o direito de ir e vir? Lamentável certas coisas em um mundo tão 'evoluido'. Opção sexual não é parâmetro pra julgar caráter. Se assim fosse não teriamos tantos héteros desprazíveis no mundo, concordam?

Eu tenho uma amiga que é lésbica e me contou que um dia desses estava numa praça com sua namorada e estava com a cabeça apoiada no ombro da parceira e dois rapazes que olhavam de longe faziam chacota, algum tipo de comentário maldoso que incomodou a parceira. Essa minha amiga é retada e não está nem aí pra o que os outros dizem. Mas o fato de ser tratada como "um ser estranho" incomoda.

Mas uma vez reforço: Não se ache no direito de se julgar certo e condenar seu próximo. Respeite as escolhas diferentes da sua. Vamos propagar essa semente. O mundo precisa de mais respeito.

Cinthya abordou esse tema de maneira brilhante um dia desses, pra quem não leu, bastar clicar AQUI

Lembrem-se: R E S P E I T O

Beijos, pessoas!!

Verônica - A mulher que respeita o direito e a escolha de cada um.

6 comentários:

casanova disse...

Mais um brilhante texto desse blog fantastico... é bem por esse caminho mesmo que as pessoas devem seguir, vamos acabar de uma vez por todas com a falta de respeito com os outros, chega de tanta ignorância!!!

valeww vel.. Maravilha de texto!

Anônimo disse...

Adorei o texto!
Respeito é o caminho para um mundo melhor.
Beijos,
Selma.

Ursula disse...

Ótimo texto Verônica. Ninguém tem que julgar ninguém, não somos donos da verdade. Pq esse povo não vai pegar no pé de bandidos, assassinos e corruptos e deixam essa gente honesta em paz???
beijos
ursulaferraricoach.wordpress.com

Ursula disse...

Ótimo texto Verônica. Ninguém tem que julgar ninguém, não somos donos da verdade. Pq esse povo não vai pegar no pé de bandidos, assassinos e corruptos e deixam essa gente honesta em paz???
beijos
ursulaferraricoach.wordpress.com

Thaise disse...

Descobri esse blog por acaso. Amei a ideia do blog. Sempre sonhei em fazer terapia, tôadorando tudo isso aqui. Parabéns! Tô seguindo tá? beeijos!

O Divã Dellas disse...

Thaise,

Seja muito bem-vinda!!

Esse é o nosso grande "consultório" o Divã é todo seu. Sinta à vontade! Beijos!!

Selma, obrigada pela presente constante no nosso Divã. Aceitamos ideias e sugestões para temas a serem aborados. Beijos!!

Ursula,


Seu blog é uma grande escola para todo nós, é mais q um blog, é um serviço de utilidade pública! Beijos!!


Verônica