terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Mulheres Investidoras

Número de mulheres na Bolsa cresce nove vezes em sete anos.
Ao final de 2009, a BM&F Bovespa contabilizava 136.062 mulheres investidoras. De acordo com os dados, divulgados na última semana, o número é nove vezes maior do que o registrado em 2002, quando 15.030 mulheres tinham o CPF cadastrado em agentes de custódia. No fechamento do ano, elas detinham 24,63% de participação.

Esse foi o título da matéria que li no caderno de economia da página da UOL.
Mais que um monte de dados, essa matéria que foi publicada em 11/01/2011 fala sobre a evolução da mulher também no mercado financeiro. Dia a dia, passo a passo as mulheres vão ganhando força e espaço num território antes totalmente dominado por homens.  É uma evolução notável, e precisamos dar ênfase a esses avanços. Sabem aqueles homens que ficam feito loucos com vários telefones no ouvido e todos falando ao mesmo tempo? Um caos absurdo que um leigo não faz a menor ideia do que eles estão fazendo e como conseguem em meio ao tumulto. Eles são os corretores, negociadores do pregão, e já tem mulher por lá também, é sim! Existem hoje mulheres trabalhando nessa função, antes, exclusivamente masculina, assim como tantas outras. O que eu quero com essas linhas é mostrar para  todas as mulheres que nos lêem que nós podemos. Yes We Can! Claro que podemos. Lembrem-se: A presidente da ANAC é uma mulher, a presidente da Petrobrás é uma mulher, a presidente do Brasil é uma mulher. Todas nós podemos fazer tudo que nos der vontade. Devemos, apenas, nos prepararmos e encararmos como um desafio possível. Já que é possível então, façamos!
Podemos ser mães, mulheres, filhas e profissionais tudo isso ao mesmo tempo. Para tanto, é importante que não pautemos nossas vidas. Não devemos nos reduzir ou limitar nosso trajeto. O céu é o limite.
E mostrar para os homens, que se ainda houver algum tipo de preconceito ou sentimento de superioridade, eu tenho quase certeza que não há, mas, se houver, que se desfaça agora. Estamos na era das possibilidades.
Verônica

4 comentários:

Borboleta no Casulo disse...

As mulheres estão cd vez mais independentes, seja lá que sentido!!
Temos que ser investidoras sim e cada dia mais ganhar mais espaço no mercado de trabalho!!
Bjs meninas

Ana disse...

Meu marido já tentou inúmeras vezes me ensinar os gráficos da bolsa, mas confesso que não tenho muito interesse. É um erro eu sei, mas prefiro ler blogs... rsrsrs!
E sou mais feliz assim!!
beijos

O Divã Dellas disse...

Oi meninas!

O foco principal do post é o investimento em si mesma. O Investimento financeiro é consequencia de várias conquistas, é só mais um degrau.
Invistam nos seus sonhos, invistam em vocês...
O importante é não deixar a vida passar batida.
Obrigada por nos acompanhar!
Beijos!!
Verônica

Marcus Vinícius A. Nascimento disse...

é...mas infelizmente(pra mim, felizmente) esse pregão físico da bolsa está acabando...se é que não já acabou.
Pois, o pregão virtual é que comanda agora.
Não existe mais aquele empurra-empurra.
beijão verõnica...legal o espaço aqui.

Kiko