sexta-feira, 17 de junho de 2011

Sem Vergonha de Ser Feliz!

(by Cinthya)

Ontem foi a festinha de São João da escola do meu filho. E eu que sou louca por São João e mais louca ainda pelo Pedro, esperei ansiosa por esse dia. Claro que eu fui vestida a caráter, com vestido de chita e sandália de couro. E claro também que eu era a única mãe a estar vestida assim.

Passamos uma semana nos preparativos dessa festa. O Pedro acompanhou e participou e a todo instante eu enfatizava que aquilo tudo era pra festa dele, pra todo mundo da nossa casa se divertir junto com ele, que seria muito bom. E ele foi alimentando isso em seu íntimo e quando as pessoas chegavam lá em casa ele já dizia: "Olha o que a minha mãe ta fazendo para a minha festinha de São João!"

Eu tenho muito cuidado em incutir no meu filho essas coisas pequenas e tão importantes. Fazer ele entender o valor de certos gestos. Fazer ele se jogar e ser feliz, entendendo que a gente pode ser feliz todo dia, com coisas simples, coisas do nosso dia-a-dia.

Ontem ele, ao me ver vestida de matuta disse: “Mamãe, você está muito linda com essa roupa” . Na verdade nós dois estávamos muito lindos com nossas roupas.

Muita gente me olhou “atravessado” lá na festa, até me disseram: Você é doida, eu não teria coragem de me vestir assim”. Mas, não é São João? Não é a festa de São João do meu filho? O meu filho não está vestido a caráter? Por que eu também não me vestiria?

O que sei é que foi tudo maravilhoso, lindo. Que nós nos divertimos muito, que brincamos muito, que minha família estava toda reunida, que todo mundo aplaudiu a apresentação do Pedro (que por sinal dançou lindo demais), que eu agradeci ao Criador por aquele momento, que o meu filho disse quando chegamos em casa: “Obligado por minha festa”

Enfim, adoro ser feliz!

PS: E o nosso álbum de família vai ganhar mais uma página de fotos faltando um pedaço (cadê o pai? Rsrsrs)... E mesmo assim, somos felizes. Somos muito felizes!














6 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns por não ter vergonha de ser feliz, e educar tão bem seu filho com valores tão importantes, pq hoje, as pessoas quase não ligam para coisas tão pequenas, mas q tem um valor enorme!! Bjs!!

Luciana Calandrine!

Carla disse...

Cinthya !!
Que gracinha vocês !!
Muito lindo o Pedro, parabéns !!

Saudade de passear por aqui.
O blog de vocês continua um primor ....


bjs

Carla

@DANILOFERREIRAA disse...

Nossa,é isso aíu linda, parabéns ... num mundo tão rotulado e com padrões de beleza elevadíssimos, a sua atitude foi a mais linda que uma mãe poderia ter,aposto que as outras mães que estavam lá te acharam caretíssima,mas para o seu filho você foi a MÃEZONA !

Muito linda a atitude ,você foi nota 10 !

Bjs.

Anônimo disse...

Eu acho super legal a maneira alegre e participativa que você tem com a educação do seu filho. E amar é isso , fazer feliz quem a gente verdadeiramente ama. Mas posso falar uma coisinha? Muita gente ama seus filhos de maneiras diferentes. Não é porque uma mãe não vai vestida com roupa junina que ama menos seu filho do que você. Eu entendi seu desabafo no blog. Foi sobre as críticas. Mas muitas vezes as pessoas que tecem comentários como fizeram sobre sua roupa não estão criticando você. Juro mesmo. Elas só falaram com espanto pois foi algo diferente. Eu já li aqui você falar que ama muito seu filo e que por isso deixou um emprego numa multinacional ganhando bem e foi pra um outro ganhando bem menos, mas que é feliz por isso pois tem mais tempo livre com seu filho e acha que isso é mais importante do que o dinheiro. Eu axcredito que isso seja o melhor pra você e realmente te entendo. Porém, não é porque uma outra mãe que se mata no trabalho e tem pouco tempo pro filho, mas que por motivos variados não mudam de trabalho amem menos. Cada um sabe o tamanho do seu amor.

O Divã Dellas disse...

Gente, eu me abstenho de medir ou pesar o tamanho do amor que as mães sentem pelos seus filhos, da forma como amam e expressão.
Eu me limito apenas a expor o meu amor pelo meu filho e é apenas sobre esse que eu posso falar para vocês.
Sobre as minhas atitudes e escolhas, a finalidade é mostrar que a felicidade está nas coisas simples e pode ser vivida a todo instante.
Então que cada um seja feliz com as suas escolhas. Esse é o obejtivo!
Mas adoro ouvir as sugestões, as críticas e os desabafos de vocês. Falem mesmo, ok?
Beijos,
Cinthya

Anônimo disse...

Cynthia, eu entendo o objetivo de seus posts. Juro que entendo. E não foi crítica, longe de mim te criticar pois admiro muito sua força na educação com seu filho. Eu peço desculpas inclusive por ter feito o comentário e não ter sido mais clara e ter parecido uma crítica. Eu adoro seu blog e muito já me emocionei aqui. No meu comentário eu apenas quis mensionar que nem todo mundo que se espanta por exemplo , por você ser a única vestida a caráter, está de fato de criticando. Eles apenas comentam.Mas parabéns pela iniciativa. Quem sabe no próximo ano outras mães não tomam coragem e vão vestidas também, né?
Beijos e continue sempre escrevendo com o coração, pois adoramos.