sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Meu Tesouro



(by Cinthya)

Tenho amigos pra vida toda. As minhas amizades são assim, a gente até pode se estranhar em determinado momento de nossa jornada, mas as rusgas sempre se desfazem e se mostram menor, imensamente menor do que a afinidade que nos une. Na hora do aperreio a gente sempre tem um amigo por perto, pra ajudar a segurar as pontas, pra comemorar as vitórias, pra chorar as derrotas. Isso é muito bom. Não. Isso é maravilhoso!
E são tantas as histórias que compartilhamos que poderíamos escrever uma coleção de livros recheados de nossas aventuras e desventuras. De nossas dores de cotovelo (algumas são inacreditáveis), dos nossos choros sentidos, dos gigantescos micos (e quando eu digo “gigantescos”, leiam GIGANTESCOS mesmo), das nossas viagens inesquecíveis, dos nossos amores eternos que duravam uma semana, de tantas festas, de tantos momentos de dor. De tanta vida compartilhada.
Quer me ver feliz? Faça um amigo meu feliz. Então, hoje estou radiante, felicíssima, cheia de gratidão por ver mais uma grande amiga realizar seu sonho. Vibrei com ela, me arrepiei de emoção, chorei, sorri. É muito bom ver a felicidade daqueles que amamos. É muito bom ver o sorriso, ver o brilho nos olhos, ver a vida se enchendo de novos fatos, deliciosos acontecimentos que vêm enriquecer a história.
Os meus amigos são meus e não têm preço. Meu tesouro. É muito gostoso ver os dias passando, nossas rugas chegando, os cabelos embranquecendo e o amor permanecendo intacto. Não importa se passamos dias ou meses sem nos encontrarmos, na hora que a gente se vê percebe que nada muda. É coisa de alma. De crianças a adultos, sempre juntos. Alguns desde o início, outros foram se agregando com o passar do tempo. Mas todos são amados, respeitados e caros.
E então, só posso agradecer a Deus pelo dia feliz. Pelas amigas que tiveram o bebê tão esperado, pelas que enfim encontraram o certo alguém e uniram os desejos num enlace matrimonial, pelas amigas aprovadas no concurso público tão sonhado, pelas que compraram ou ganharam o primeiro carro, pelas que foram morar na cidade dos seus sonhos. Pelas que continua coroas, mas que fazem a alegria de todos. Pelas ranzinzas, pelas tagarelas, por sermos exatamente como somos: lindas. Enfim, amigas, se um dia nós fomos fracas, não me lembro (risos).
Um brinde a amizade, ao sucesso de cada uma e felicidade de todas! Quem venha ainda muita conquista para que todas possam saborearjunto o gosto delicioso da vitória.
Amo vocês.

6 comentários:

Das coisas que vejo e gosto. disse...

Que lindo!

Amizades verdadeiras são tesouros, realmete!

Parabéns!

Beijos

Selma.

O Divã Dellas disse...

Selminha eu sou rica, rica, rica... Graças a Deus. Beijo noc oração

Cinthya

Renata disse...

Sentir feliz com a felicidade do próximo é muito mais que amizade, é um ato de amor!!
Bjos e otimo final de semana.
Abraços e obrigada pela visita lá no blog,bjoss.

O Divã Dellas disse...

Renata, seu blog emana vida e amor. Me senti muito à vontade lá. Obrigada também pela visita e volte sempre sempre sempre.


Cinthya

Jane Quintela de Carvalho disse...

Oi...eu tenho orgulho das minhas amizades verdadeiras, tenho algumas que têm mais de 30 anos... adoooro!
Beijosss!!!

O Divã Dellas disse...

Jane, a gente se sente rica não é mesmo? É muito bom saber que não estamos só.
Abraço,
Cinthya