sábado, 5 de março de 2011

O Carnaval Chegou! Oba!!!

 "Voltei, Recife! Foi a saudade que me trouxe pelo braço. Quero ver novamente vassouras na rua abafando, tomar umas e outras e cair no passo"

É nesse clima de frevo que venho hoje desejar um ótimo carnaval à todos. Muita alegria e libertação nesses dias, libertem suas fantasias, exteriorizem seu lado moleque levado. Como dizemos na Bahia: "Se joguem na bagaceira!"

Pois é, sou baiana e apaixonada pelo meu estado, como todos sabem, adoro o carnaval de Salvador e todos os anos estou lá,  mas dessa vez vou curtir o frevo pernambucano (de novo). Respirar novos ares e curtir uma cultura diferente.

Dessa vez vai ser diferente, tristemente diferente. Quando fui a primeira vez em 2004 meu irmão estava lá de sorriso largo e braços abertos para me receber e me mostrar tudo, foi meu guia, me levou a lugares incríveis, me mostrou tudo que conhecia e adorava por lá. E como sempre, foi meu companheiro de aventuras, meu grande parceiro.



Mas agora meu irmão não estará lá a me aguardar, não terei seu sorriso largo nem seus braços abertos me esperando, não estará porque ele foi arrancado do seio da nossa família de maneira brutal. Teve sua vida interrompida de maneira precoce e nada pudemos fazer para evitar isso. Ele foi vítima da violência urbana, que só aumenta com o passar dos dias. Violência essa que nos dá uma sensação de impotência e nos causa revolta diante da  impunidade.

Agora, vou ter de voltar a Recife e aproveitar sozinha o que outrora aproveitei com ele. Estou reunindo forças dentro de mim para conseguir isso, superar meus traumas e vencer meus fantasmas não vai ser fácil, mas eu vou tentar. Quero fazer dessa viagem uma linda viagem. Eu tenho esperanças de que vou conseguir. É por ele que eu vou tentar.

Vou para Recife de alma limpa e coração sangrando. Na bagagem levo lindas recordações, muita euforia e a ansiedade de rever uma cidade que tanto me encantou, mas bem lá no fundo da mala vai uma muda de tristeza, por ver que a bela cidade estará mais vazia, mais triste e menos colorida.

Carnaval é alegria e a vida é uma festa, esse era o jeito Júnior de ser e assim eu sou também. pelo menos vou tentar ser. Portanto, nada de lágrimas, vou vestir meu melhor sorriso e vou partir rumo à felicidade.

Desejo um excelente carnaval pra todo mundo, bebam sem moderação, usem camisinha, se forem dirigir não bebam e se forem beber me chame. Muitos beijos e muito amor nesse carnaval.

Verônica

Como não podia ser diferente, vou deixar com vocês a música que estou cantarolando desde que resolvi voltar à capital pernambucana.



Voltei, Recife
Foi a saudade
Que me trouxe pelo braço
Quero ver novamente "Vassoura"
Na rua abafando
Tomar umas e outras
E cair no passo

Cadê "Toureiros"?
Cadê "Bola de Ouro"?
As "pás", os "lenhadores"
O "Bloco Batutas de São José"?
Quero sentir
A embriaguez do frevo
Que entra na cabeça
Depois toma o corpo
E acaba no pé

5 comentários:

Zil Mar disse...

Seu texto me comveu demais!!!!!

Desejo que seu carnaval seja lindo...por vc e pelo Junior!


grande bjo!

FELIZ CARNAVAL!!!!!!

Zil

My disse...

Lindo o texto...
e vista a alegria e não a deixe fugir tenho certeza que é assim que seu irmão desejaria lhe ver...
bjs ;)

Vanessa Souza Moraes disse...

Detesto carnaval.

Mas desejo boa festa para quem gosta.

Natural.Origin disse...

Irmão...

Irmã...

Sorriso:)

Mirys disse...

Verô:

Poxa... eu não sabia disso... sinto muitíssimo, querida!!!

Sei bem o que é essa falta do que deveria estar lá e não está; que deveria alegrar, mas é tristeza; que iria abraçar, beijar, conversar e, hoje, é apenas silêncio.

Mas, força garota! Estamos contigo!
Ou, como dizemos lá no Diário, "TJ é TJ" (tamo junto é TAMO JUNTO!)

Bjos e bençãos.
Mirys
www.diariodos3mosqueteiros.blogspot.com